Início » Uncategorized » UFRJ inaugura o Centro de Espectrometria de Massas de Biomoléculas

UFRJ inaugura o Centro de Espectrometria de Massas de Biomoléculas


A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) inaugurou na tarde desta quarta-feira, 21 de outubro, o Centro de Espectrometria de Massas de Biomoléculas (Cembio), que será destinado à análises de biomoléculas pela espectrometria de massa. O evento foi realizado no Anfiteatro Hertha Meyer, no Bloco G, Sala 22, do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho (IBCCF), no prédio do Centro de Ciências da Saúde (CCS), na Ilha do Fundão. Em paralelo à inauguração do Cembio, houve a abertura do workshop “Espectrometria de Massas FT-MS: do Imageamento às Ciências Ômicas”, na manhã desta quarta. O workshop teve início com a participação dos palestrantes Ronaldo Mohana Borges, coordenador do Cembio; Fernando Ferreira, diretor de negócios da América do Sul da Bruker (empresa alemã fabricante de equipamentos de pesquisa); e Paul Speir, vice-presidente da Bruker na área de espectrometria de massas. O evento seguiu até a tarde desta quinta-feira. Para Ronaldo Borges, a inauguração do Cembio abre novas possibilidades para a produção de pesquisas que colocam a UFRJ na fronteira do conhecimento. “A importância da inauguração do Cembio é enorme. Trata-se de um centro multiusuário que vai atender a pesquisadores de dentro e de fora da UFRJ, com a participação de todos os institutos do Centro de Ciências da Saúde. O Cembio visa prover toda a infraestrutura para análise de biomoléculas por espectrometria de massas. O equipamento que chegou ao centro tem o maior poder de resolução de massas e a maior precisão da América Latina nessa área. Ele tem uma ampla área de aplicação para análise de amostras muito complexas, desde proteínas e metabólitos, passando por lipídeos, petróleo e outros diversos produtos naturais”, destacou. Também estiveram presentes na inauguração do centro a pró-reitora de Pessoal da UFRJ, Regina Dantas; o reitor da UFRJ, Roberto Leher; o diretor Científico da FAPERJ, Jerson Lima Silva, que é professor titular do Instituto de Bioquímica Médica (IBqM/UFRJ) e coordenador do Centro Nacional de Ressonância Magnética Nuclear Jiri Jonas; e o pró-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa da UFRJ, Ivan da Costa Marques. A implantação do Cembio contou com recursos da FAPERJ, por meio de editais como “Apoio à Aquisição de Equipamentos de Grande Porte para Instituições de Ensino Superior e Pesquisa Sediadas no Estado do Rio de Janeiro” e “Equipamento Solidário”. Mais informações: http://www.biof.ufrj.br/pt-br

Jerson_300

A partir da esq., Jerson Lima, Regina Dantas, Ronaldo Borges, Roberto Leher e Ivan Marques, no Cembio (Foto: Divulgação)

Disponível em: http://www.faperj.br/?id=3041.2.5


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: